APRESENTAÇÃO

Visitando vários blogs de decoração,conheci o blog Brincando de casinha, da Mari Mello,conforme lia aquela postagem fui vendo que os meus sonhos poderiam tornar-se realidade,"a minha realidade".E resolvi fazer este blog, que ele possa tambem te ajudar a compreender que podemos decorar nossas casas simples ,com algo possível e muito amor,fazendo com que elas ,muitas vezes pequenas,como a minha, se tornem lugares bonitos e gostosos de se estar.
Que voce se torne uma seguidora deste blog.

Um grande abraço

Tina

Seguidores

VISITEM VOCES VÃO ADORAR!!

quinta-feira, 17 de junho de 2010

- MEU CANTINHO NA ROÇA - O CAFÉ - DA ROÇA À MESA








Bem , todas sabem que moro na roça , e que cultivamos café , voces sabem né...Sul de Minas ...montanhas ...o bom mesmo por aqui é o café . Estamos em plena colheita , pra gente aqui tudo normal , mas talvez algumas de voces não sabem como é , por isso resolvi publicar o nosso trabalho por aqui.
Espero que voces gostem e que sirva de conhecimento para todas .

Bem primeiro lá pelos meses de agosto  , setembro o cafezal tem a primeira florada , depois em outubro , novembro tem a segunda florada.
Voce conhece a flor do café? è linda e cheirosa , o ar fica com um perfume delicioso


Estas flores se transformam em grãos , que ficam assim

E é agora nesta época que começamos a colheita.

Por aqui é assim que se colhe , com as mãos mesmo , as mulheres juntam-se aos maridos
e vão todos para a colheita, é uma época de fartura, pois as familias ganham bem mais.



O café vai caindo em panos estendidos pelo chão..

.

depois com peneiras , ele é abanado para que saia folhas e pauzinhos...hoje em dia , não estão gostando muito de abanar o café, mas meu marido ainda exige isso.


o café vai para o terreiro...


e é mechido com estes rodos, pra lá e pra cá, até que o sol o deixe bem seco.


Este roceirinho aí, é o meu netinho Daniel com seu mini rodinho,  brincando de ser grande (sobrinho-neto)


O café fica assim sequinho,depois de beneficiado
na máquina(outro dia mostro a máquina)...fica assim
E é levado para a cooperativa, a nossa aqui é a COOXUPÉ.
Bom mas para nós mulheres o serviço não acabou não...se quizermos ter um cafezinho daqueles, cheiroso e gostoso...fazemos assim...


Colocamos o café já limpo neste torrador aí de bola(olha o meu fogãozinho aí gente!), o meu torrador cabe quatro litros de café.

vai virando a manivela até o café ficar torrado ( estas mãos, pés e pedacinho do chapéu, é o marido que topou pozar para foto, desde que não aparecesse rsrsrsrsr)


Vai para a peneira para esfriar, eu forro a peneira senão ela fica preta rsrsrsrs

Depois é moído, tenho dos dois moedores, mas uso o elétrico, é mais rápido, o meu não está novinho assim.!...


Aí está meu coador de pano...

E um cafézinho fresquinho prá voce

Espero que voce tenha gostado destes momentos comigo aqui no meu cantinho na roça.
beijin



26 comentários:

  1. oi Tina

    Amei vir aqui conhecer!!!
    Ñunca tinh avisto a flor do café...que coisa mais linda.
    gostei do marido aparecendo só um bocadinho..kkk
    a famíli ada minha mãe também plantava, meu avô plantava cebolas . A gente morava longe deles, mas acompanhava sempre as dificuldades em saber se segurava a cebola ou vendia logo...será que vai aumentar ou cair o preço, era sempre assim.
    pena que qunado a gente é criança não sabe dar valor as coisas da terra.
    linda postagem, um ótimo findi pra sua família.

    bjocas

    ResponderExcluir
  2. Tina, que postagem mais linda e encantadora!!!!
    Tô maravilhada aquí!
    Nunca antes, em toda a minha vida tinha visto a flor do café....coisa linda de viver....
    essa post foi o máximo, a vida que vcs levam é fabulosa, é a vida que eu valorizo, embora sempre tenha vivido na cidade, gosto mesmo é o cheiro de mato, de terra....natureza. Pra mim, estar em contato com a natureza é comungar com Deus. Na minha lua-d-mel, nós fomos pra Ilha Grande, uma ilha que fica no litoral do Rio de Janeiro (Angra dos Reis. Escolhí a pousada que ficava no meio da mata atlântica, uma das mas simples que existe no local, mas pra mim a mais maravilhosa.
    Pela manhã, os saguis vinham tomar café com a gente, eu fiquei louca...cheguei chorar de tão emocionada que fiquei.
    Fizemos trilhas pelas matas...foi uma maravilha!
    Sempre gostei de roça, o cheiro do café coado em saco com bolo de fubá acompanhando...não tem preço!!Nunca, nunquinha a modernidade vai superar a mágica de um lugarzinho na roça com cheirinho de natureza, com cheirinho do Criador.
    Algum dia, pretendemos conhecer Minas, os lugares históricos, interior...
    Quem sabe, quando estivermos aí não marcamos de nos encontrar??!!
    beijo grande!
    Ví que tá tudo certinho com as regrinhas so sorteio. Obrigada por prestigiar, amiga!

    ResponderExcluir
  3. Isto e um post...maravilhoso...que trabalhão he?...gente a flor do cafe e linda....meu proximo post vai ser sobre voçê,misturado a um pouco do que já passei na fazenda da familia da minha mãe....amei...agora sim...mesmo que fosse um pé de cana...seria um post perfeito.Daqui a algumas horas o meu post estara pronto.
    Beijinhos
    Deusa
    vasinhos coloridos

    ResponderExcluir
  4. Non sabía nada do proceso do café, e tampouco coñecia as súas flores,obrigada pola ensinanza, gostei de visitala,
    Un abrazo

    ResponderExcluir
  5. Menina!!!
    Nunca tinha visto uma flor de café, que linda!
    Sabe que o meu sonho é ter um fogão a lenha?!
    moro em casa, em uma região do Rio de Janeiro que é perto da praia e perto da montanha. Gosto muito do interior.
    Tenho uma tia que se chama Filomena e o meu tio João, e eles moram em Jatobá, conhece?! Estou querendo visitar minha familia em julho, pois não conheço todos que moram aí em BH, e gostaria de te conhecer pessoalmente.
    Podemos nos comunicar pelo meu Orkut, e lá vc vai conhecer um pouco mais de mim e minha família, e também tenho o blog.
    Orkut:karenpls@hotmail.com
    Aqui em casa tenho um Pé de maracujá, está dando o fruto, só não sei o tempo certo de colher, aí eu deixo cair e pego.
    Um grande beijo e ficarei muito feliz em te-la como uma nova Amiga.

    ResponderExcluir
  6. Tina,

    viajei agora. Nunca tinha visto a produção de café, só em novelas, filmes e livros, mas assim, pertinho, contado por alguém que vive isso é especial.
    Adoro café e li tudo isso com água na boca. O aroma deve ser de enlouquecer.
    Adorei tudo, mostrei para meu filho o post e ele só disse: "Capaz, que a flor vira isso!".
    Tudo lindo, do fogão, as flores, das xícaras de ágata às de porcelana.
    Grande beijo

    ResponderExcluir
  7. Tina, que coisa mais linda! Estou encantada!
    Eu amo cheiro de café, imagino que sonho deve ser morar num lugar assim!
    Quando estiver muito estressada, vou te fazer uma visita! :)

    Beijocas.

    ResponderExcluir
  8. Oi,Tina!
    Obrigada pela visita...amei!
    Já estou te seguindo(nos 2).
    Isso é q é vida LUXUOSA,pode ter certeza!!
    Eu nunca tinha visto a flor do café:q linda!
    bjus

    ResponderExcluir
  9. Olá Tina...
    Fiquei encantada com o processo do café que vc descreveu! Conheci seu blog hj por acaso qdo vi o tópico sobre a roça. Sou arquiteta e trabalho nesta loucura que é SP, mas por coincidência meu sogro tbém planta café no sul de Minas - Nova Resende, Monte Belo - conhece?! Mês passado tive lá (aí para vc né! rs) e fiquei encantada com todo o processo q vcs passam desde a colheita até ensacar! Fiquei até com uma caidinha de mudar radicalmente de vida e quanta qualidade ter, em viver na roça também...quem sabe um dia!
    Espero mantermos contato...um gde bjo!
    Luciana
    Parabéns e espero mantermos contato

    ResponderExcluir
  10. What a fun and interesting post! I enjoyed reading all about this! have a great weekend Tina!

    ResponderExcluir
  11. Oi Tina!!! Que maravilha Já posso sentir o cheiro de café sendo torrado pela casa toda. Sou apaixonada por roça. Estou morando na roça atualmente e estou gostando muito. A vida é mais tranquila.Agora, descobri de onde vem tanta ternura e carinho para com as amigas. Fala para o seu netinho que ele é fofinho demais .Gostei muito da foto dele de chapéu. Deus ti abençoe ricamente. Graça e paz

    ResponderExcluir
  12. Querida maninha, que saudades de você, da sua casa, do seu cafezinho gostoso com aquelas rosquinhas macias que só você sabe fazer !! Que gracinha o Daniel ! Diz prá ele que mando um beijão e pro Samuel também. Logo estaremos juntas, se Deus quiser ! Mil beijos, te amo !! Alva

    ResponderExcluir
  13. Amiga!!!!
    Amei a postagem!!!
    Aqui onde moro antes de ser uma reserva era toda voltada para o café, tem uma máquina aqui no salão (vou tirar uma foto e depois posto pra você ver) que veio de outro país na época que a fazenda era cafeeira ela veio desmontada e tem mais ou menos umas 30 mil peças, era produção em massa aqui foi uma das maiores produtoras de café do centro-oeste a algum tempo atrás. O dono o Sr. Jeremias Lunardelli era considerado o rei do café. Mas a máquina é linda, hoje ela fica como decoração do restaurante (gigantesca) funciona até como uma parede!!!
    Mas eu não sabia que vocês cultivavam café, antigamente eu só comprava o café pra torrar e moer, gente a casa fica um cheirinho tão bom e o café???? Perfeito!!!!!!
    torrava, moída tudo aqui, mas agora está meio difícil encontrar um café bom por aqui pra torrar e moer... Infelizmente isso está acabando...rsrsrsrs.
    Mas que delícia viu!!!
    Parabéns!!!!!!
    Amei o post (e as imagens) Me fez recordar muitos tempos bons!!!!!
    Beijokas e um ótimo final de semana!!!!

    ResponderExcluir
  14. Miga, esqueci de dizer!!!!
    Não vale moer no moedor elétrico não!
    depois de tudo isso!!!!
    No "caseirão" pega o munho e moe na mão mesmo, faz os braços ficarem fortes!!!!hehehehehehehe. Meu munho não é tão lindinho como o seu não!!!rsrsrsrsrs....
    Beijokas!!!

    ResponderExcluir
  15. Fiquei tão boba com a reportagem que fui embora e esqueci o selinho, mas já voltei pra buscar e assim que der eu posto ele lá!!!!

    ResponderExcluir
  16. Tinaaaaaaaaaaa..que lindo!!
    Eu conheço bem o processo..meu avó era agrônomo e eu andei muito por fazendas qdo era pequena..adoro tudo isso!!Brincava nos terreiros de café qdo ia com ele fazer as visitas..só tinha medo de touros e bois..kkkk..morria de medo!!
    Agora..este seu fogão de lenha..é maravilhoso!!Você faz comida nele?Assa pão, bolo e tudo?
    Adoro café passado no coador de pano..eu uso...a mulherada qdo vem em casa, ficam bobas em saber que ainda uso...uso e com orgulho! O cafézim fica com outro gosto, sô!!
    E amiga..estas xícaras e o bule..que graça!!
    Amei!!Que vontade de tomar seu café, Tinaaaaa... deve ser bom demais da conta!!
    Amiga...só de pensar que passei na porta de sua casa..aff..fui pra Areado, em uma fazenda..se nos conhecessemos na época..eu ia dar um pulinho pra te conhecer,né?quem sabe qdo eu voltar pra estas bandas?
    Beijos
    Mª Rita(Janelas e caminhos)

    ResponderExcluir
  17. Voltei pra dizer:
    -Obrigada pelo seu carinho e preocupação amiga...ainda não estou cem por cento..mas vou ficar!!

    beijos e ótimo final-de-semana!!
    Mª Rita(Janelas e caminhos)

    ResponderExcluir
  18. oi tina! já moí muito café na casa da minha avó no sítio.Nas férias nós íamos pra lá e eu até tirava agua do poço. Ver sua casa me trouxe essas recordações. beijinhos!

    ResponderExcluir
  19. Oi,Tina! Eu tenho um sítio no interior de Goiás/municipio de Brazabrantes(Sítio Heiwa), não tenho costume com a lida da roça, na realidade sou da cidade e agora,aos 49 anos estou migrando para o campo... tenho apenas um pé de café, que produziu meio litro de grãos(bem quando percebi que estavam maduros, já tinha perdido a maioria dos grãos! Colhi apenas esse tanto! Eles estão secos e não sei como tirar a casca! Acho que meio litro não dá para ser limpo numa máquina que eu nem tenho! Há como limpa-los sem máquina? Quando tiver um tempinho, aguardo respostas! Beijos

    ResponderExcluir
  20. Que maravilha Tina, cafezinho moído na hora, com um paladar que só quem é amante de café pode decrever!!!!Ai, que vontade que me deu agora!!!!!!
    Beijos querida!!!!!!

    ResponderExcluir
  21. AMEI SEU BLOG!! É TUDO DE BOM! NOSSA QUE IMAGENS!!! QUE CONTEÚDO!!ME VISITE SEMPRE JÁ SOU TUA SEGUIDORA E VOU LINKAR SEU BLOG NO MEU, PRA MUITO MAIS GENTE TER ACESSO A S BELEZURAS QUE VC POSTA!VOU FAZER PROPAGANDO DO MEU TINA!!!HEHE www.cantinhovovomaria.blogspot.com
    bjão eh trem bão este café !!hemmmmmm

    ResponderExcluir
  22. Alô, Tina!
    Que beleza de post! Como eu já tinha falado antes, a minha sogra que foi criada também na roça, sempre me conta essas estorias sobre a colheita do café...Mas eu nunca tinha visto como era de verdade ! Como é fantástico cultivar a terra e colher os seus frutos! É realmente um grande milagre, que se renova através de abençoadas mãos...Parabéns a todos vocês!
    Lembrei logo daquela música, " O Cio da Terra" , do Chico Buarque... Tudo muito lindo!
    Mas uma vez te agradeço pela tua visitinha tão carinhosa lá no meu bloguinho...Deixei um comentário lá mesmo no post...
    Beijos da carioca Teresa!

    ResponderExcluir
  23. Maravilhoso seu blog,aqui quase pude sentir o aroma de café torrado na hora,raridade hoje em dia.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  24. Obrigado pelo cafezinho, senti até o cheiro quando ele estava sendo torrado,essas coisas de Minas me fascina, sou paulista mas sou apaixonada por tudo isso!!!
    Seu blog é uma delicia!!!

    ResponderExcluir
  25. Boa tarde, TINA, gostei muito de conhecer o seu blog. copiei algumas fotos para rever depois.
    Lindo passo-a- passo do café. Os meus avós faziam tudo isso. A minha mãe participou desse processo.Meu avô sempre replantava os pés de café, para que os netos conhecessem a planta e soubessem como é o processo até o café chegar bem perfumadinho em nossas mesas. Sempre que tomo café, penso em quantos (inúmeros) colaboradores contribuíram, desde o preparo da terra, até o café pronto na xícara, para que eu tenha a felicidade de tomar um delicioso café a qualquer momento, confortavelmente em minha casa.Sou muito grata a todos os que colaboraram nesse processo.Bjs.

    ResponderExcluir
  26. tina A paz de Deus,amei sua postagem sobre o café linda,sabe minha vó torrava café, minha eis sogra tem um pé de café na horta dela, quando ela colhe faz o mesmo processo depois torra e manda um pouquinho pra mim uma delicia,tudo que é da roça eu gosto sabia que sei fazer paçoca de amendoim caseira, aprendi com minha vó hoje falecida ela amava estas coisas,acho que herdei esse amor por fogão a lenha dela,amo essa vida do campo vc deve ser muito feliz.há não podia me esquecer feliz dia das mães a vc e todas as suas seguidoras mamães.

    ResponderExcluir

SEUS COMENTÁRIOS ME FAZEM FELIZ