APRESENTAÇÃO

Visitando vários blogs de decoração,conheci o blog Brincando de casinha, da Mari Mello,conforme lia aquela postagem fui vendo que os meus sonhos poderiam tornar-se realidade,"a minha realidade".E resolvi fazer este blog, que ele possa tambem te ajudar a compreender que podemos decorar nossas casas simples ,com algo possível e muito amor,fazendo com que elas ,muitas vezes pequenas,como a minha, se tornem lugares bonitos e gostosos de se estar.
Que voce se torne uma seguidora deste blog.

Um grande abraço

Tina

Seguidores

VISITEM VOCES VÃO ADORAR!!

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

A LEGUMEIRA SEM HISTÓRIA...


Esta legumeira foi da minha avó...me recordo nítidamente de ve-la sobre a mesa com frango, mas não me recordo da tampa, nem minha mãezinha se lembra(depois do AVC ela tem sequelas), mas imagino que deveria ser muito bonita...talvez com florzinhas azuis...pois ela tem estes risquinhos em azul turqueza


, e tem tambem outro risquinho em dourado. No trabalho em volta da peça tambem tem dourado.




Mas o meu espanto foi ver  que se trata de uma peça importada... porcelana ingleza.

Fico aqui imaginando, quem será que presenteou minha avó com esta peça tão linda! Já que minha avó era uma pessoa simples, que sempre viveu na fazenda criando os filhos e trabalhando duro...
Aí está a importancia de preservar a história da nossa vida, da vida de nossa familia...
Quantas peças lindas deixamos se perder, tem dia que fico me lembrando e sinceramente tenho vontade de chorar...quanto de nossa história se perdeu, quantos acontecimentos importantes, e lindos, nunca vamos saber... Devemos conversar mais com os mais velhos, dar importancia em suas histórias, eles gostam tanto de conta-las!...e às vezes por preguiça nem damos atenção... Fica aí o conselho...
                                                                    beijinhos
desculpa as fotos tão escuras e mal tiradas , sou péssima fotógrafa!

11 comentários:

  1. Olá Tina,
    Você está coberta de razão, fica aí também a sugestão de contarmos nossas histórias para nossos filhos.
    Beijos,
    Carla

    ResponderExcluir
  2. Oi Tina!
    maravilha essa sua postagem, cresci em uma familía onde mamãe e tias nos contam até hoje histórias da familía... e repetem sempre as mesmas,...
    até hoje qdo viajo a Jundiaí minha terra natal, a familía se reune em volta da mesa para ouvir as histórias... mas infelizmente os jovens não dão muita importância, e dizem: lá vem esse papo de novo ou: agora os tempos são outros,uma pena!!!! Adorei
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. olá
    tina...quanta lousa linda!!!
    amo lousas antigas...
    bjos querida
    !!!!

    ResponderExcluir
  4. Oi Tina você esta com toda a razão eu sou dessas pessoas que gosto das historias antigas contadas pelos mais velhos sempre dei atenção,mas ainda hoje lembrei-me de uns copos lindos que ganhei dos meus padrinhos quando ainda era menina ,a minha mãe guardou quando me casei me deu,mas quando vim morar pra Portugal não deu pra trazer eos perdi,troxe alguma coisas que foram presentes de casamento,mas não deu pra trazer tudo ,hoje me lembrei muito dos meus padrinhos e fui procurar os copos e acabei vendo que esses não chegaram aqui.bjos querida!!

    ResponderExcluir
  5. É verdade Tina,eu sempre gostei dessas coisas de tradição e histórias do passado.Adorava ficar com minha avó,ela me levava p/ todo lugar que ia,qdo ela se foi me deixou um guarda louças antigo e um vaso de porcelana,que infelizmente não pude ir buscar.Até hoje fico lembrando do cheiro do guarda louças(tinha cheiro das ervas e temperos que ela guardava)nem gosto de lembrar que choro...beijo!

    ResponderExcluir
  6. Decoração e História deveriam andar juntas, seja em qual estilo for. Como também deveriámos escutar melhor os nossos idosos, pois muitas vezes o que eles querem ser é apenas ouvidos.

    ResponderExcluir
  7. Oi Tina, é verdade as vezes não etmos tempo para ouvir as historias que são tão cheias de sabedoria não é mesmo ? E as louças lindas, feliz d evc que tem algo de recordação tão precioso. Eu não tenho nada de minhas avós.
    Um beijo grande
    Leila

    ResponderExcluir
  8. Oi Tina, é linda mesmo e inglesa ainda!!!
    é verdade, deveríamos ouvir mais as histórias daqueles que ja viveram tantas coisas...
    Hj estou melancólica...e pensei muito a respeito disso!
    Bjus

    ResponderExcluir
  9. Oi Tina, obrigada pelas palavras de carinho. Estou planejando fazer um brioche delicioso para o nosso chá de terça, mas se Deus quiser logo, logo conseguirei trazer. Um beijo.

    ResponderExcluir
  10. Ei Tina,
    Tem razão precisamos valorizar a nossa história, e os mais velhos tem muito a nos dizer de nós mesmos!
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  11. Oi Tininha, tudo bem?
    Eu adoro as coisas boas e antigas da vida!
    E quando se fala me coisas que fazem parte da história de família, afff..fico apaixonada!!Dou muito valor....mas muita coisa se perde mesmo..é uma pena!!

    Um grande beijo e abençada noite!
    Mª Rita(Janelas e Caminhos)

    ResponderExcluir

SEUS COMENTÁRIOS ME FAZEM FELIZ